No Break APC dá lucro para quem usa!

No Comments

Cliente da MicroSafe com No Break APC fatura enquanto os concorrentes amargam falta de luz

No Break de 15KVA, modelo de série? Só a APC tem no Brasil

Queda de luz, com No Break APC, vira vantagem competitiva para cliente da MicroSafe

Aqui na MicroSafe, a respeito de proteção de energia, temos um lema simples: No Break é APC. Não que outras marcas sejam ruins. Apenas achamos que APC é a melhor, e a prova do tempo é a que fala mais alto (afinal de contas, são 10 anos comercializando a marca) . É apenas a nossa opinião, claro. Mas como a MicroSafe é Revenda APC, leia o texto a seguir com a devida crítica.

Isso porque No Break é o tipo do produto que pode arranhar a imagem de quem o comercializa. São produtos usados em situações críticas, para proteção de equipamentos, e, principalmente, dados, que via de regra custam uma dezena de vezes mais do que o próprio No Break. Colocando esta equação em perspectiva, e morando em qualquer parte do Brasil, onde a qualidade da energia não é exatamente um dos nossos maiores orgulhos, o investimento em um No Break parece ser algo simples de se fazer, certo?

Errado. Muita gente ainda acha que No Break é um produto caro, especialmente um No Break APC, que é a marca com preços mais elevados do mercado. Não importa. Só recomendamos APC. A história abaixo ilustra bem o porquê.

Fabiano Vianna é um cliente antigo da MicroSafe, do Rio de Janeiro. Possui uma empresa de comercialização de autopeças de grande porte, e, como nós, valoriza acima de tudo trabalhar de maneira correta e dentro da lei.

Nesta última terça (6/12/12), tanto o bairro da MicroSafe quanto o da empresa do Fabiano ficaram sem luz. Mas ambos continuaram trabalhando normalmente, pelo investimento que fizeram em autonomia, seja com gerador, seja com No Break APC.

O interessante, no caso da empresa do Fabiano, é que ela é uma loja de rua que fica em um endereço no Rio de Janeiro que concentra, literalmente, dezenas de lojas do mesmo ramo de autopeças. Mas como ele tinha todas as suas máquinas de TEF e PDV’s protegidos por No Break APC, além de não sofrerem pane e continuar funcionando normalmente, a loja dele era a única que estava aceitando cartão de crédito durante a queda de energia (que durou mais de 3 horas)!

Resultado: enquanto os concorrentes, na mesma rua, ficavam às moscas, com atendentes de braços cruzados, e realizando poucas vendas em dinheiro vivo, a empresa dele, literalmente, faturava com a queda de luz, já que cartão de crédito é o meio de pagamento preferido deste segmento!

Tudo isso ele nos contou pelo Facebook. Estava felicíssimo pelo seu investimento ter sido compensado. Chegamos a sugerir que ele imprimisse um cartaz com os dizeres “A luz caiu, mas nossa empresa não: continuamos aceitando cartão!”. Assim já estaria pronto para faturar ainda mais na próxima queda.

A lição do post? No Break APC dá lucro, sim! O verão está na esquina. E verão é época de apagão. Planeje sua proteção e saia na frente de seus concorrentes.

(Agradecemos, uma vez mais, ao Fabiano Vianna pelas informações deste post)