Post original do Módulo Isolador Estabilizado, no BoaDica

3 Comments

MÓDULO ISOLADOR ESTABILIZADO

Nas ultimas 2 semanas uma das pessoas que trabalha aqui no BoaDica estava tendo um problema que estava tirando o sono dele e dando uma surra em tudo que tínhamos de idéia para solucionar o problema.

Primeiro, o gabinete dava choque de vez em quando! Trocamos de gabinete, trocamos de placa, colocamos estabilizador, e nada! Continuava dando choque! Resolvemos deixar para lá, e aconselhar a ele não ficar “tocando” no gabinete! 

Depois começou a ter problemas no HD. Primeiro, começou a aparecer bad block em um HD. Em seguida apareceu no outro! Depois nem formatar mais conseguia! Estranho… Resultado: como era nos 2 HDs, resolvemos culpar a placa mãe. Trocamos a placa mãe, e aconteceu de novo! 

Aí começou a ter problemas no sistema (boots). Como já tínhamos trocado a placa mãe, o gabinete, o HD, culpamos a memória! E nada…

Até que num papo despretensioso “por telefone” com uma das lojas que participam aqui no site (a MicroSafe), veio uma sugestão que de início fez todo mundo rir, mas depois, após resolver o problema, deixou todos curiosos: “Coloca um terra decente ou coloca um Módulo Isolador!“??

O que acontece é que a maioria das pessoas acredita que protegendo seu micro com um estabilizador e/ou um no-break, estará livre de problemas elétricos. Mas na verdade, a eficácia destes produtos está diretamente relacionada a eles estarem ligados numa tomada com aterrramento perfeito.

Dicas para saber se você tem aterramento na sua tomada:

Quer saber se a tomada onde você liga o seu micro está aterrada? É fácil, se o gabinete do seu micro dá choque, mesmo ligado em um no-break/estabilizador, então você não tem terra (ou seu gabinete está em curto com sua placa-mãe ou alguma outra parte do seu micro). Se a tomada da sua parede é bipolar (Dois furos) ao invés de tripolar (Três furos, própria para micro), com certeza você não tem terra. E mesmo nas tomadas tripolares, há grandes chances que o terceiro furo seja nada mais do que isso: Um buraco na parede, que não leva a lugar algum. Procure se informar também se a rede elétrica da sua casa/apartamento é “monofásica”, “bifásica” ou “trifásica”. No primeiro caso, provavelmente você não consegue ligar a sua máquina de lavar e o computador ao mesmo tempo, sem queimar a cafeteira.  No segundo, o aterramento pode ser simulado, mas ainda não é o ideal, a menos que algum terra legítimo tenha sido providenciado especificamente para a tomada do seu micro. E no terceiro caso, está tudo lá, mas a sua tomada da parede pode simplesmente estar com o neutro desconectado…

Nota: Alguns modelos de No-Break BK-500 da APC possuem uma luz em sua traseira que indica se a rede elétrica a qual eles estão conectados está com algum problema. Se esta luz (“Site Wiring Fault”) estiver acesa, com certeza você tem problemas de aterramento. Testamos exatamente este No-Break, e depois que ele foi ligado no MIE, a luz nunca mais acendeu.

Mas porque eu não teria aterramento na minha tomada e o que posso fazer sobre isso?

Nós somos vítimas da má qualidade de planejamento das instalações elétricas dos imóveis Brasileiros em geral. Quem tem uma rede elétrica sem terra está diante de uma terrível escolha: Ou convive com o problema, ou troca toda a fiação elétrica para providenciar um terra real — no mínimo, você vai ter que enfiar um bastão de ferro em algum lugar próximo da sua tomada, com contato direto com o solo, ligado na sua fiação, para providenciar um terra real. O que pode lhe deixar bastante impopular com o seu condomínio, se você, como quase todo mundo, morar em um prédio.

Afinal de contas, o que esse Módulo Isolador Estabilizado (MIE) faz?

Muito simples: Ele converte qualquer tomada bipolar em quatro tomadas tripolares aterradas e estabilizadas eletronicamente. O MIE é um produto 100% Brasileiro, criado pela MicroSol, e quem é dos tempos do MSX deve lembrar com carinho e admiração desta empresa Cearense, que fez o primeiro Cartucho/Disk Drive com Sistema Operacional clonado do MSX-DOS, o SOLX-DOS, e que funcionava muito bem. Não é de se espantar que uma empresa Brasileira tenha desenvolvido um produto inovador para resolver um problema tão… Brasileiro! Outras soluções de “terra eletrônico” (geralmente, aqueles plugs que se coloca na parede, e custam R$ 15) já se propuseram a resolver este problema, mas esta é a primeira vez que vejo isso realmente funcionar na prática. De quebra, o MIE também atua como estabilizador, o que significa que pelo preço de um produto, você leva dois.

Nossa única crítica ao MIE é ele ter baixa capacidade (450va), e portanto, agüentar somente um micro, impressora e monitor, mesmo. A nossa vontade era ligar a casa inteira no bichinho.

Como aconteceu conosco, não fique espantado se, depois de ligado, ele esquentar demais e “clicar” bem mais do que um estabilizador comum faria. Cada clique destes é menos um bad block ou GPF no seu computador. Agradeça!

Abaixo colocamos para vocês que ainda não conhecem os dados técnicos deste equipamento:

O Módulo Isolador Estabilizado reúne num só equipamento os recursos necessários para solucionar problemas com aterramento, amortecer os picos de tensão e estabilizar a rede elétrica proporcionando energia pura para que o seu computador, impressora jato de tinta, monitor ou scanner funcionem com toda segurança.



INTELIGENTE, MAIS FORTE, MAIS SEGURO! O Módulo Isolador está de acordo com a Norma ABNT-NBR 5410 de novembro de 1997, item 5.1.3.5 que trata da regulamentação técnica para instalações elétricas de baixa tensão. “Os equipamentos que na sua arquitetura oferecem proteção por separação elétrica, não necessitam de aterramento.
  • Pode ser ligado em qualquer lugar
  • O fim do quebra-quebra de paredes e dos problemas com aterramento.
  • Melhor desempenho e maior durabilidade que os estabilizadores comuns.
  • Transforma tomadas bipolares em tripolares.
  • Recomendado para apartamentos, casas, sítios e escritórios.
  • Proteção por varistor contra surtos de tensão. Dupla isolação, reduz riscos de choques elétricos.
  • Você pode conectar computador, impressora jato de tinta, scanner e monitor.
  • Funciona também como proteção extra para no-breaks (até 440VA).
  • Está de acordo com a norma ABNT 5410 sobre isolação (item 5.1.3.2) e NBR 14373, sobre certificação de estabilizadores.
  • Dispensa a troca de fusíveis: Equipado com Circuit Breaker, garantindo proteção total contra curtos-circuitos. O Circuit Breaker é acionado automaticamente e pode ser rearmado manualmente.

  Veja vídeo do Módulo Isolador Estabilizado

Especificações Técnicas

Módulo Isolador Estabilizado

Potência Nominal 440 VA
Tensão de Entrada Nominal 115V/220V
Tensão de Saída Nominal 115V
Regulação Estática +-6%
TAPS 4
Tempo de Resposta (correção) <6 semiciclos
Freqüência da rede Nominal 60 Hz
Rendimento >95%
Distorção Harmônica Não induz DH
Número de tomadas 4
Proteção de surtos de corrente Circuit Breaker
Proteção de surtos de sobretensão Varistor
Gabinete Metálico
Grau de proteção Classe II

É isto aí! É novidade para nós, e creio que ele é novidade para muita gente também. Mas uma coisa é certa: já está fazendo sucesso com muita gente, principalmente para aqueles com problemas na rede elétrica!

Gostaríamos de agradecer a MicroSafe o empréstimo do aparelho para demonstrar a solução do problema, e é claro, a dica certeira!

Links úteis:

MicroSol – www.microsol.com.br – Fabricante do MIE
MicroSafe – www.microsafe.com.br – Revenda MicroSol para todo o Brasil